Madredeus : Amargura

Letra e música: Pedro Ayres Magalhães
In: Espírito da Paz

Amargura, descansada triste
Parece lonjura ou medo?
É quase certo,
Que nada existe
Nada está perto,
Nem eu estou triste