Gal Costa : Até quem sabe

Letra e música: João Donato; Lysias Enio
In: "Personalidade"
Carlos Ilharco
Até um dia
até talvez
até quem sabe
até você sem fantasia
sem mais saudade

Agora a gente
tão de repente
nem mais se entende
nem mais pretende
seguir fingindo
seguir seguindo

Agora vou pra onde for
sem mais você
sem me querer
sem mesmo ser
sem me entender
vou me beber
vou me perder
pela cidade
até um dia
até talvez
até quem sabe